Empurrar na vertical

Como já falamos sobre Empurrar na Horizontal chegou a hora de falar sobre Empurrar na Vertical, pensando da mesma maneira: esqueça os músculos e pense no movimento. 

Os exercícios mais utilizados para trabalhar este movimento são os desenvolvimentos, com halter, com barra, unilateral ou bilateral, porém deixo destaque para dois outros que não podem faltar na sua rotina de treinos.

Um deles é a paralela (foto abaixo). Desafie-se neste simples, porém difícil, movimento. Trabalhe seus braços e toda a região do CORE. Comece com pequenas amplitudes e desça o máximo que conseguir. Está fácil? Adicione sobrecarga. Como? Amarre uma anilha com uma corrente ou simplesmente coloque caneleiras nas pernas. Está difícil? Comece com um mergulho no banco. Desenvolva força aos poucos até conseguir a evolução para chegar neste.

Desenvolva força para suportar o próprio peso do seu corpo, até conseguir, por exemplo, realizar uma parada de mão, e na sequência flexões nesta posição. Sim! Por que não? 

 

Lembre-se de desenvolver seu corpo como um todo. Somos capazes de muito, porém nos contentamos com pouco e quando se trata do nosso próprio corpo somos fracos. 
A força deve partir de dentro para fora. Do centro para as extremidades. 
Pense, se você for capaz de utilizar sua maior ferramenta de trabalho, qualquer sobrecarga externa será ridícula.